TIPOS DE TEQUILAS E SUAS HARMONIZAÇÕES

 

A Tequila é uma deliciosa bebida alcoólica destilada, com um sabor intenso, feita no México, de alto teor alcoólico.
O destilado é obtido da fermentação do néctar extraído do agave azul, uma planta similar a um cacto, porém da família do lírio. O “Jimador", nome dado à pessoa responsável pelo corte do agave no campo, é quem limpa a planta e a deixa pronta para iniciar o processo de fabricação. O miolo é cozido e espremido, liberando um néctar resultante do cozimento que será fermentado e depois destilado. O álcool obtido nesse processo, chamamos de tequila.
Pelas leis mexicanas, tanto a matéria-prima quanto o produto final precisam ser fabricados no estado de Jalisco no México e ter um teor alcóolico de no mínimo 38% (76 proof).
Além disso, o destilado deve ser produzido com no mínimo 51% de agave azul, as tequilas com 100% agave azul, são mais puras e saborosas. Apesar de existir mais de 200 variedades da planta, somente o Agave Azul Weber é o adequado para a fabricação de tequila.

 

TIPOS DE TEQUILA

Existem duas categorias de tequila. A primeira categoria é TEQUILA 100% AGAVE e a segunda categoria é TEQUILA (MIX OR BLENDED “misturado“). Ambas com qualidades e deliciosas, porém, as Tequilas 100% Agave possuem o tradicional sabor da Tequila mais acentuado.

Tequila 100% Agave
Produzido somente com Agave Azul Webber, são as melhores tequilas que iremos encontrar no mercado.
Marcas Conhecidas: Herradura, Ocho, El Jimador, Don Julio, José Cuervo Tradicional e Reserva de La Familia.

Tequila – Mix or Blended “Misturado”
Produzida com 51% de Agave Azul Webber e misturada com cana de açúcar ou açúcar de milho.
Marcas Conhecidas: Jose Cuervo Prata, Gold ou Black

 

CLASSIFICAÇÃO DAS TEQUILAS

Tequila Blended e Tequila 100% Agave são geralmente classificadas pelo tempo de envelhecimento.
Assim teremos em 5 categorias diferentes: Blanco, Jovem, Reposado, Añejo ou Extra Añejo, em ordem crescente do tempo de maturação. Período de envelhecimento em barris de carvalho de cada denominação:

Tequila Blanco: Também conhecida como prata ou branca é a tequila mais nova da família, pois é engarrafada apenas 60 dias depois de sua destilação. É a mais indicada para cocktails frutados por ter o puro sabor do agave.
Sem envelhecimento (Ex.: Blanco Sauza).

Tequila Gold: Essencialmente um blend de tequila ou tequila 100% misturado com caramelo ou tequila envelhecida para intensificar o sabor.
Envelhecimento de até 2 meses (Ex. normalmente as Silver, como José Cuervo Clássica, Sauza Gold).

Tequila Reposado: É envelhecida em barris de carvalho branco ou tonéis, com notas de madeira misturadas às de agave dão a esta categoria uma robustez maior de sabor.
Envelhecimento de 2 a 12 meses (Ex.: José Cuervo Gold e Herradura Reposado).

Tequila Añejo: É amadurecido nos mesmos barris de carvelho da Reposado. Algumas marcas como a José Cuervo, usam barris de Bourbon (whisky Americano) ou Cocgnac tornando-a mais suave, proporcionando uma coloração ambar com aroma e sabor mais complexos.
Envelhecimento superior a 2 anos (Ex.: José Cuervo Black)

Tequila Extra Añejo: É a mais velha da família, envelhecida em barris de carvalho. Por passar mais tempo recebendo influência da madeira, torna-se mito mais suave, da cor de mogno e com características sensoriais completamente distintas. Sua textura na boca lembra os melhores whiskies e conhaques, tamanha a distinção adquirida.
Envelhecimento superior a 3 anos (Ex.: Chinaco Negro Extra Añejo – 5 anos. Don Lunas – 10 anos)

 

COMO APRECIAR A TEQUILA

 

Não só aqui, mas em todos os lugares do mundo, todos tomam tequila em forma de shot, ou seja, viram tudo de uma vez só. Já no México, apreciam a bebida em pequenos goles intercalados.
Mas e o limão e o sal onde entram nessa história?
O “shot” com sal e limão, poucos sabem, mas eles ajudam a desencadear uma reação em nossas papilas gustativas para complementar o sabor. O sal abre as nossas papilas dando uma amplitude à nossa percepção, já a acidez do limão se encarrega de fechá-las. Portanto, seguindo essa linha de degustação, deveríamos engolir um pouco de sal, beber a tequila e chupar uma fatia de limão, assim a tequila ficaria por mais tempo em nossas papilas e aproveitaríamos por mais tempo o sabor.

A melhor Tequila para se tomar no shot é uma Tequila 100% Agave envelhecida, ou seja, “Reposado” ou “Añejo”. No Brasil, temos disponíveis a Tequila Jose Cuervo Clasico, Especial, Black (Blends); Tradicional, 1800 Blanco, 1800 Reposado, 1800 Añejo e Reserva De La Familia (100% agave). E a Sauza Tequila Blanco, Sauza Tequila Gold e Sauza Tequila Hacienda (Reposada)
Quer saber, dê prioridade para uma tequila 100% agave e beba da sua maneira!

 

HARMONIZAÇÕES COM TEQUILA

Tequila harmoniza com diversão, mas a sua harmonização com comida vai muito mais além.

Tequila Blanco: combina bastante com frutos do mar, comidas marinhas e levemente apimentadas, por ter pouca complexidade. Faz com que os sabores do prato e da bebida não entrem conflito.
Cítricos também vão muito bem, por isso, ela é a opção para a margarita.

Tequila Reposado: A partir da repousada, os sabores defumados pedem alimentos com mais sabor. Barbecue, carnes defumadas (vermelhas ou brancas) à lenha combinam muito com este tipo.

Tequila Añejo: Já os aspectos de sabor da tequila añejo fazem com que ela seja uma boa opção para carnes vermelhas ou sobremesa.
É uma bebida mais para degustação, vai super bem com chocolate.

Aproveite essa delícia!!!